Poder compartilhar conteúdos da sua área de interesse, fácil acesso à documentação da organização, maior engajamento e comunicação com mais agilidade com outros colaboradores são apenas alguns dos benefícios da intranet social em uma organização. Esse post falará sobre isso, além de contar um breve histórico de como foi a evolução da intranet social desde sua criação até aqui. Embarque nessa leitura com a gente!

  

O que é Intranet Social?

Dentro de uma organização, a comunicação possui um papel fundamental na atuação profissional de cada colaborador, bem como para a saúde da organização como um todo. Uma empresa está em constante comunicação com seus colaboradores, clientes, outras empresas e assim por diante. E quando estamos falando da comunicação interna de uma empresa, nos referimos principalmente aos fluxos de informações que percorrem os diversos níveis hierárquicos, como elas são repassadas, armazenadas e contribuem para o sucesso do negócio.

Na era da tecnologia, uma das formas de se comunicar na empresa é através do meio digital, sendo então a Intranet responsável por isso. A intranet é uma rede exclusiva e fechada, uma versão privada da internet e sua função é compartilhar informações internas com seus colaboradores. Estas informações por sua vez podem ser sobre a organização, processos, produtos e clientes.

Mas para saber onde estamos com a Intranet hoje, é interessante saber de onde ela surgiu e como evolui até esse momento. Vamos lá?

A história de vida da Intranet Social

A intranet em seu início era centrada em conteúdos massivos e hoje atua centrando-se nas pessoas e instigando que todos gerem conteúdo e assim mantenham-se engajados e produtivos. Embora a sua função continue a mesma, desde que surgiu, quase nada permanece igual. Apresentamos abaixo uma classificação em 5 estágios de evolução:

1 Intranet informativa

No princípio, em meados de 1996, o conteúdo era publicado apenas por quem tinha permissão. O conteúdo muitas vezes era massante e desinteressante, não era pensado para o coletivo, o que levava à desconexão e falta de interesse dos colaboradores.  

2 Intranet de serviços

No segundo estágio, a função da intranet passou a colaborar não apenas com cunho informativo, mas também para o fluxo de trabalho. A intranet se tornou uma ferramenta que ajuda no processo de transitar com documentos, informações e tarefas de um colaborador para outro, em um conjunto de procedimentos.

3 Portal corporativo 

Já nos anos 2000, empresa e colaboradores começam a ter maior proximidade. O layout também começa a ser trabalhado nessa fase, tornando-se mais atrativo e pensado para a usabilidade dos usuários.

4 Intranet 2.0 

Com a chegada da web 2.0 (principalmente da mudança na forma como o conteúdo é produzido e visto), o conteúdo da intranet torna-se mais dinâmico, interativo e com grande foco na produção colaborativa. A intranet 2.0, portanto, é a intranet inserida nesse conceito de web 2.0. A ferramenta nessa etapa passa também a ser utilizada para a aplicação do conceito de trabalho realizado em times com foco no aumento da produtividade e geração de resultados mais positivos.

5 Intranet social 

O que temos até hoje! As chamadas Intranets sociais são um conjunto de ferramentas de interação social integradas, onde o conteúdo torna-se cada vez mais colaborativo e não hierárquico. Com isso, todos se beneficiam com trocas de informações entre colaboradores, formando assim uma grande rede de conhecimento colaborativo. Esse ambiente colaborativo e de maior engajamento trouxe diversos benefícios ou vantagens, que apresentamos logo abaixo!

Quais as principais vantagens da Intranet Social

  • Maior colaboração entre todos da organização: não existe um sistema de governança como na intranet tradicional e todos podem dar sua opinião e ser ouvidos;
  • Veiculação ágil de notícias: todos tem acesso a comunicação mais rapidamente por ser um meio digital, um canal que unifica o contato dos colaboradores;
  • Colaboradores bem informados: colaboradores bem informados se tornam mais motivados e a motivação é uma ótima ferramenta para que todos se sintam mais satisfeitos com a empresa onde trabalham;
  • Maior engajamento: o engajamento encoraja o colaborar a se sentir parte da equipe, vestindo a camisa da empresa. Se torna um embaixador da marca e não apenas um simples colaborador.


Agora que vimos um pouco do histórico da intranet, onde se encontra atualmente e algumas das vantagens de se ter uma intranet social, falaremos no próximo post sobre alguns exemplos de como incorporar na organização essa importante ferramenta de colaboração. Fique junto com a gente e acompanhe nossos conteúdos.

Até a próxima! (big grin)


Gostou do post? Compartilhe e siga nossas Redes Sociais 


Posts